BlogWe are Solutions.
Plano de Continuidade de Negócios e suas possibilidades para a sua empresa
21 Setembro, 2021

Com um bom plano de Business Continuity, seu negócio pode sobreviver mesmo em meio às crises

2020. Um ano marcado por uma das maiores crises sanitárias da história da humanidade. A pandemia chegou e não teve pena de muitas empresas que, infelizmente, tiveram que fechar suas portas para sempre.

Por mais devastador que este cenário seja, é possível encontrar uma luz no fim do túnel, tornando possível preparar qualquer negócio para sobreviver em meio às adversidades, independentemente de quais sejam.

Você já ouviu falar em Plano de Continuidade de Negócios — ou Business Continuity Planning?

Esse termo designa uma prática aplicada dentro da cultura das empresas, a fim de prepará-las para responder aos momentos de crise sem impactar a continuidade dos negócios, ou ao menos minimizar seus impactos.

Com a implementação desses sistemas de prevenção e/ou recuperação, é possível engatilhar planos emergenciais para gerir esse tipo de situação. Tudo isso sem impactar diretamente os resultados entregues pela empresa.

Para te ajudar a se aprofundar no tema, preparamos este artigo com alguns dos principais benefícios de um bom plano de continuidade de negócios. Continue lendo para saber mais!

O que é um plano de continuidade de negócios?

Um plano de continuidade de negócios (PCN) consiste em um processo de implementação de práticas, técnicas e planejamento que visa deixar uma empresa funcionando mesmo em momentos de crise, tudo isso sem causar danos ou com uma prejudicialidade aos negócios reduzida.

Em outras palavras, as práticas de Business Continuity têm como objetivo a prevenção e a solução de momentos adversos, a fim de minimizar os impactos da crise, já que existem processos alternativos diante da impossibilidade dos processos atuais.

Para ficar mais claro, vamos imaginar o seguinte cenário:

Duas empresas passam por uma invasão de seus sistemas por um hacker. A primeira empresa tinha um bom plano de continuidade de negócios e conseguiu responder rapidamente ao desastre, com opções paralelas que possibilitaram o andamento dos negócios.

Já a segunda empresa jamais havia previsto que tal evento poderia acontecer e, como consequência, teve que parar todo o seu processo por vários dias até que o sistema se restabelecesse.

A organização do cenário 1 teve como consequência uma pequena redução de produtividade e lucratividade. Já a do cenário 2 teve prejuízos milionários por conta da perda e indisponibilidade dos dados por um longo período de tempo.

Em um cenário parecido, quais das duas empresas você gostaria de estar gerindo?

Temos certeza que você não gostaria de estar à frente da empresa 2. Afinal, organizações com este perfil tendem a não perdurar por muito tempo no mercado.

Segundo um levantamento feito pelo Grupo Daryus em  abril de 2020, 43% das empresas não tinham um PCN ou um PGC (Processo de Gestão de Crises) para enfrentar os efeitos da pandemia da Covid-19. Semelhantemente, 35% das organizações não estavam preocupadas com a segurança de serviços como saques, furtos, invasões e distúrbios civis.

Paralelamente a estes números, vamos olhar para o primeiro semestre de 2021, em que os ataques cibernéticos contra empresas brasileiras cresceram 220%, segundo dados divulgados pelo Grupo Mz.

Agora, imagine a forma como estes números se encontram e como a falta de um Plano de Continuidade de Negócios pode trazer prejuízos bilionários às empresas brasileiras.

A pandemia do Coronavírus e seus impactos na economia brasileira

Outro grande exemplo de adversidade a ser superada, foi a pandemia de covid-19, a qual pegou o mundo todo de surpresa.

Aqui no Brasil, a crise trouxe impactos irreparáveis à vida humana e às empresas — especialmente as pequenas e médias. E como consequência disso, tivemos números difíceis de serem digeridos.

Confira alguns deles abaixo:

infografico-01Para Antonio Wrobleski, Presidente do Conselho da Pathfind, as empresas que se mantiveram em crescimento, mesmo em meio à crise, têm em comum o planejamento, coragem para investir em inovação, análise de resultados e ação. A empresa em que Wrobleski atua cresceu 40% durante a pandemia.

Segundo suas próprias palavras:

"2020 foi um ano de muitos aprendizados. Precisamos olhar para o nosso planejamento diversas vezes e adaptá-lo, mas fizemos para nós exatamente o que oferecemos aos nossos clientes: utilizamos a tecnologia para estruturar processos, otimizar a operação e analisar dados."

 

Com esse fator em mente, podemos imaginar que, com um plano de continuidade bem definido, diversas empresas poderiam ter dado a volta por cima.

Não estamos ignorando o fato de que a pandemia deixou muitas organizações de mãos atadas. Sabemos que, com os comércios fechados e a economia instável, surfar nessa onda é um processo difícil. O que propomos aqui é uma reflexão acerca do mercado não ser uma constante, dos desafios poderem surgir de todos os lugares e você precisa estar pronto para entrar em ação rapidamente.

Esteja pronto para todos os cenários

Com um plano de continuidade bem definido, seu negócio pode dar respostas rápidas às eventuais interrupções do mercado. Com este cenário em mente, você aumenta consideravelmente as probabilidades da empresa sobreviver por mais tempo.

Quer saber mais sobre Business Continuity? Continue acompanhando o blog da Intergalaxy.

Somos uma empresa especializada em tecnologia e inovação. Junto às melhores técnicas de inteligência de mercado, impulsionamos empresas para seus melhores resultados.

Acesse nosso site e fique por dentro de todos os nossos serviços e soluções.


 

#Planejamento, #BusinessContinuity, #ContinuidadeDeNegócios, #PlanoDeContinuidade, #WeAreITX